Número total de visualizações de página

segunda-feira, 31 de março de 2014

OS EXEMPLOS: DAS PALAVRAS AOS ACTOS .......









ACTO I

É feio, muito, muito feio mentir às criancinhas  …….
As criancinhas aprendem com os adultos ……
Mentir-lhes ….. é ensiná-las a mentir e isso está muito mal !!!!
Festejar o dia da árvore com as criancinhas, fazer discursos lindos às criancinhas sobre a importância das árvores para todo o planeta terra, plantar com elas uma árvore …….. e ……. ao mesmo tempo abatê-las no coração da sua cidade ….. é mentir-lhes !!!!!
É ensinar-lhes a mentir ……..
É ensinar-lhes que podem fazer o que não dizem ……. e fazer o que não dizem !!!!!!  

ACTO II

A indignação pela mortandade de árvores e zonas verdes em Lamego e a sua substituição por empedregulhamentos cinzentões amonta-se e circula em textos de alerta e consciencialização via net ……..  

Abate de espécies protegidas

Atenção Amigos da cantada “Lamego, Cidade Verde”, que já foi!

Pelo fim da tarde de sábado, 08 de Março 2014, foi destruido o conjunto de árvores existente entre o Palácio de Justiça e a Estação de Serviço da REPSOL, agora em desmontagem. O trabalho foi executado prontamente por madeireiros incertos para o que concentraram os meios de corte e transporte necessários para a remoção dos troncos, deixando apenas as ramagens dos mesmos.  A autorização terá partido, naturalmente, da Câmara de Lamego. Do conjunto de árvores abatidas faziam parte cinco sobreiros de bom porte, espécie protegida cujo corte se considera um crime contra a natureza e, como tal, sujeito a sanções. Quer estes espécimes quer outras árvores exóticas igualmente abatidas, encontravam-se em perfeito estado sanitário-vegetativo, como ainda hoje, 12 de Março, se pode deduzir pelos respectivos cepos no local.
Nesta data, 12 de Março, ficam ainda três sobreiros - dois nas traseiras do Palácio de Justiça e um em frente à Central de Camionagem –actualmente os únicos exemplares conhecidos na área urbana, pois outros já tinham tido o mesmo destino, aquando da construção do Pavilhão Multiusos.
Por último, é triste constatar que a descaracterização de “Lamego, Cidade Verde” tem sido uma constante, com a destruição das florestas da Serra das Meadas pelo fogo, com o abate indiscriminado e maus tratos de árvores, com o desaparecimento de espaços ajardinados e anunciada destruição de outros, salvando-se, por enquanto, a Mata dos Remédios e algumas manchas verdes privadas.
O residente,
............................

 
 

O CASPER pergunta se alguém consegue explicar porque é que o José Pereira vice presidente da Câmara do Francisco Lopes, que pelos vistos é engenheiro agrícola, não defende e protege as coisas verdes, as árvores, a flora …..  em Lamego.
 
 

terça-feira, 25 de março de 2014

SHOW BIMBA ....








 
António Carreira foi vice-presidente da Câmara do Francisco Lopes.
Foi.
António Carreira estava legalmente em exclusividade.
Estava. 
António Carreira manteve no seu escritório de advogado aberto.
Manteve.
Sentada na cadeira da advocacia do escritório de António Carreira havia uma advogada.
Havia.
Ao final da tarde António Carreira ia sempre ver se o seu escritório ainda estava no mesmo sítio.
Ia.
Os processos jurídicos da Câmara Municipal que haviam sido entregues ao escritório de António Carreira, quando ainda não era Vice-Presidente do Francisco Lopes, mantiveram-se no seu escritório.
Mantiveram.
Agora, Francisco Lopes fez um contrato obeso a António Carreira para prestação de serviços jurídicos à sua Câmara.
Fez.
Mandou o seu atual Vice-Presidente José Pereira propô-lo e adjudica-lo.
Mandou.
A Câmara do Francisco Lopes tem 3 juristas a tempo inteiro ao seu serviço.
Tem.
Por fora, ainda vai contratando mais uns advogados para tratar de processos no Tribunal, onde se evidencia aquele que é compadre do António Carreira.
Vai.
A ser verdade a necessidade de tantos trabalhadores jurídicos não será o caso de perguntarmos se esta Câmara não andará assim a modos que bués conflituante ?!?!?!?!?!?
Será …...
Quando se vê o filme passado, não será de se reputar como bués requintada esta contratualização obesa de António Carreira ?!?!?!?!?!?
Será ......
 
 
 
O CASPER diz que show é show e que a vidinha é bimba para alguns
 

sexta-feira, 21 de março de 2014

TOMEM LÁ …… EMBRULHEM E PONHAM-LHE UM LACINHO !!!!





O fácies de Agostinho Ribeiro tem andado muito mais rosado …...
Não nos parece que esta tonalidade rosada lhe venha da sua cor partidária.
Estamos mesmo convencidos que a nuance colorida se deve à sobrecarga de irrigação sanguínea provocada pelas largas gargalhadas que devem andar a assaltar Agostinho Ribeiro desde que foi politicamente saneado das suas funções de Diretor do Museu de Lamego …....
E cá para nós há bués de motivos para estes assaltos ampliados de gargalhadas gozadas  ….
O Secretário de Estado de então foi mandado tratar da cultura e património para outras bandas …...
A Delegada Regional da Cultura do Norte que lhe fez o saneamento telefónico chumbou no concurso público para se manter no cargo .…..
Agostinho Ribeiro concorreu para ser Diretor do Museu Grão Vasco de Viseu, que ocupa hierarquicamente uns graus acima do desclassificado Museu de Lamego …… e arrasou tudo e todos, ganhando o concurso público e é o Diretor daquele Museu !!!!
O escavador de antiguidades que foi nomeado para ocupar o lugar de Diretor do Museu de Lamego e que com a sua desclassificação passou a ter o simples nome de coordenador ficou de queixos caídos …….
Francisco Lopes, o Sô Pinto & C.ª torceram-se bem torcidinhos ……. e não conseguiram sequer disfarçar a sua torcidela enroscada !!!!
Agora, através de uma publicação do CRESAP ( Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública) ficou a saber-se que Agostinho Ribeiro também concorreu ao lugar de Subdiretor Geral da Direção Geral do Património Cultural.
Concorreu e ganhou as fases de avaliação de curriculum e das entrevistas de conhecimento.
Agostinho Ribeiro é um dos três selecionados à ocupação do cargo nacional de Subdiretor Geral da Direção Geral do Património Cultural.
Nos concursos públicos há coisas inultrapassáveis: a grandeza de um curriculum, a competência, o saber e conhecimento que têm de ser demonstrados em entrevista feita por gurus do mettie.
Inultrapassavelmente, Agostinho Ribeiro é um peso pesado carregado de cultura patrimonial !!!!!
Não sabemos se o Agostinho Ribeiro irá ou não ocupar este cargo nacional, mas ……... esta saga de um Diretor ter sido politicamente saneado, e andar por aí a concorrer em concursos públicos nacionais e a dar cartadas de competência, saber e conhecimento cultural e patrimonial  a uma trupe que se convenceu que com o saneamento o punha na prateleira ……… e que no final teve de engolir e se engasgou com a supremacia do mestre  ………………. até nós, somos assaltados de gargalhadas divertidas e gozativas !!!!
Uma coisa assim do tipo ..... tomem lá …… embrulhem e ponham-lhe um lacinho !!!!
Venham mais Lamecenses assim …..  
 

 

O CASPER  diz ….. eheheheh …… hahahaha ….. e viva o Agostinho Ribeiro ! 

terça-feira, 11 de março de 2014

SANGUE NO TUNEL DA APITIL ....



A APITIL está bués esfarrapada.

Já não é de agora. O que é de agora, é que contas feitas por alto …. a divida da APITIL atinge já 1 milhão de euros !!!!
Há bués de anos que o falatório sobre a funesta situação económica desta instituição de solidariedade social é mais que palreado …. mas saltitando de caça ao fornecedor, em fornecedor, uns subsídios camarários ou com transferências da Segurança Social para prestação de serviços a idosos e crianças … tapa-se aqui … e abre-se ali e além !!!!
De afundamento em afundamento e sem verem uma tabuazinha para se agarrarem, a quase totalidade das funcionárias do quadro com 8 e mais meses de atrasos salariais saltaram fora agarrando-se ao subsidio de desemprego !!!!!!
Os órgãos sociais passaram a ser constituídos pelo Amândio, filhas e genros e por alguns dos seus idosos que mal conseguindo ler, lá vão pondo as cruzinhas nos papeis ……..
O charmoso Sô Pereira voou em Dezembro do ano passado embrulhado numa gritaria muito gritada ……  
O Sô Pereira, que muito bem sabe a carga tenebrosa dos calotes e penhoras, enxergando um desfecho que por causa dos seus avales pessoais bancários lhe entraria nos bolsos, silenciosamente, na hora da caída na conta bancária da APITIL de um dinheirinho fresco vindo da Segurança Social, levantou-o e foi a correr resgatar empréstimos bancários em que era pessoalmente fiador, livrando-se de ir viver para debaixo da ponte !!!!!!!
Há 15 dias por causa de bués de queixas que caíram na Segurança Social, IEFP e relatos jornalísticos, a Policia Judiciária entrou portas dentro, carregou papeis, limpou os dizeres dos computadores e interrogou os APITIL´is  !!!!
Agora, circula uma Petição Pública para pôr o Amândio a correr uma maratona de longa duração portas fora ……….
O túnel na APITIL está estreitinho, afuniladinho, aguçadinho …..
Amândio da Fonseca é assim do tipo como os gatos …. 7 vidas !!!!!
Que a sua APITIL está esfarrapadinha, completamente esburacada e esquelética…. Está !
Mas terá Amândio da Fonseca já esgotado as suas 7 vidas ….. 

 

 

O CASPER diz que as contas dos borregos, frutas e legumes do fornecedor dos prados e da quinta de Alvelos estão em dia.